maio 09, 2006

Maio

Estamos no mês de maio, o mês das mães, o mês das noivas, o mês em que fico um ano mais velha, ou mais experiente. Independente da forma que se diga nada muda o fato de que estou envelhecendo, ficando a cada ano um pouco mais velha, chegando cada vez mais perto da casa dos 30, de me tornar uma Balzaquiana, de entrar na idade da loba (alguém sabe explicar pq idade da loba?Será que as lobas (fêmea do lobo) vivem 30 anos?).
É realmente estou em crise, na famosa crise dos 30, que chegou um pouco mais cedo, aos 27.
Pode parecer bobagem, mas sinto um certo pânico em pensar que daqui a pouco, em apenas 3 míseros aninhos, eu estarei fazendo 30 anos e serei uma adulta de verdade, sim de verdade pq a partir dos 30 a gente é adulto, querendo ou não. Mas o pânico não é por causa das possíveis rugas, cabelos brancos ou a lei da gravidade e sim o peso e a responsabilidade que vem no pacote dos 30.
Acredito que está crise deve passar, pelo menos assim espero, depois que o meu aniversário passar (não vou dizer o dia só para ver quem é que vai lembrar e já aviso: quem não lembrar vai entrar na minha lista negra, hehehehhehe).
Não sou muito fã do meu aniversário e costumo ficar "pensativa", meio melancólica e introspectiva durante este período, mas passa, acho que acaba caindo a ficha de que o melhor é aceitar que mais um ano se acrescentou a minha história de vida.
E como falava em uma propaganda de um banco : " O tempo passa, o tempo voa ... ".

2 comentários:

~*Vica*~ disse...

Acho que não é a crise dos 30. Acho que isso é a tua primeira revolução de saturno. Pode ter certeza, saturno vem pra mexer tudo, sacolejar, bagunçar, mas isso sempre é pra melhor. Beijos.

Nessita! disse...

Crises são normais. A idade da loba é aos 40, calma que ainda falta. Por hora, somos quase balzaquianas hehehehehe

O problema é ter que virar adulta de verdade. Aí que complica.

bjs