abril 22, 2007

Quero

Quero correr, quero gritar,
quero xingar, quero berrar,
quero chutar, quero socar,
quero liberar toda a raiva,
toda a fúria,
toda a angustia,
que perturba o meu ser.
Quero chorar, quero soluçar,
quero lavar a minha alma,
apagar a dor,
limpar a mente,
aliviar o coração.
Quero apagar a magoa.
Quero esquecer a ira.
Quero dissolver o ódio.
Quero arrancar a lembrança
de conhecer você.

(by Lé)

5 comentários:

Nessita! disse...

Totalmente visceral essa poesia. Demais!

Moni disse...

PERFEITA!!!

Bjsss

Sara disse...

A teoria do 'Brilho eterno de uma mente sem lembranças' cairia bem aqui.
É dose quando a gente quer esquecer ne?
Beijos

Nessita! disse...

Na real a idéia desse filme é maravilhosa! Adoraria poder apagar pessoas da minha vida. :)

Leslie disse...

Esse filme é fantástico, seria muito bom poder apagar pessoas, momentos da nossa vida.