junho 04, 2009


É estranho, mas as vezes eu tenho me sentido imensamente sozinha. Parece que um vazio toma conta e a solidão bate fundo no peito e nesses momentos me sinto tão só, com uma vontade de me afundar em uma cama quentinha e chorar toda essa solidão.
*
*
"Solidão não é falta de gente para conversar, namorar ou fazer sexo...
Isto é carência.
Solidão não é os sentimentos que experimentamos pela ausência
de entes queridos que não podem mais voltar...
Isto é saudade.
Solidão não é o retiro voluntário que a gente se impõe,
ás vezes para realinhar os pensamentos...
Isto é equilíbrio.
Solidão não é o claustro voluntário que o destino nos impõe
compulsoriamnete para que revejamos a nossa vida...
Isto é um prinicípio da natureza.
Solidão não é o vazio de gente ao nosso lado...
Isto é circunstância.
Solidão é muito mais do que isso.
Solidão é quando nos perdemos de nós mesmos
e procuramos em vão pela nossa alma."

(Francisco Buarque de Holanda)




Um comentário:

Moni disse...

e o q tu deixa para mim, Lé?

:(