abril 15, 2006

Terapia Alternativa


Quarta-feira (12/04) fui fazer uma entrevista no Namastê* com a intenção de fazer algumas maratonas bioenergéticas que eles oferecem indicadas por uma grande amiga muito querida e que faz parte desse "centro".
Logo ao entrar a gente já sente a energia do lugar, o lugar tem um clima tri zen, as pessoas são super legais, simpáticas e atenciosas, o lugar é tranquilo, com cores fortes nas paredes, criando um clima aconchegante e tudo isso nos deixa super a vontade.
Voltando a minha entrevista ...
A facilitadora (não sei pq tem esse nome) que me entrevistou é um amor de pessoa, me deixou a vontade, o que facilitou bastante para mim falar com ela sobre certas "coisas". A entrevista transcorreu como um bate papo bem animado e tranquilo e no final da mesma ela me falou algo que me deixou pensativa e ao mesmo tempo respondeu algumas questões.
Ela me falou que o meu lado esquerdo do rosto, a parte da mandíbula, parecia levemente inchadinha, perguntou se eu tinha dor de cabeça e falou o nome do que poderia ser, mas é óbvio que eu não lembro, mas me disse que isso é causado pela contração da mandíbula, que eu não estou expressando os meus sentimentos direito, principalmente a raiva e me aconselhou a fazer Terapia Bioenergética**.
Na hora fiquei meio chocada, pq realmente tenho dores de cabeça, que estão ficando com uma certa frequência, mas ai isso ser raiva reprimida?
Sai do Namastê pensativa e depois de muito refletir acabei por acreditar que reprimir as nossas emoções podem nos trazer muitos problemas, tanto físicos como mentais. Jogar nossas emoções para fora pode nos ajudar a previnir muitas doenças que começam pequenas e sem muita importancia, mas que futuramente podem ficar bem sérias.
E depois da ficha cair, decidi que a partir de agora não vou mais reprimir o que eu sinto, se eu sentir raiva vou botar a boca no mundo.
"Quando eu soltar a minha voz, por favor entenda.
É apenas o meu jeito de viver, o que é amar."
* Namastê: é um Centro de Meditações Ativas e Bioenergéticas baseadas no grande mestre indiano Osho.
( Namastê é uma saldação que significa - O deus em mim saúda o Deus em você. )
** Terapia Bioenergética: tem por finalidade desbloquear o corpo, permitindo a expressão de emoções, muitas vezes contidas desde a infância, e a transformação da energia. Essa liberação permite que a pessoa tenha mais qualidade de vida, evitando ou revertendo processos de doença e, principalmente, a torna capaz de viver mais intensamente e de amar.
Saiba mais visitando o site www.namaste.com.br .

3 comentários:

~*Vica*~ disse...

Umas amigas foram no Namastê e disseram que é bem legal, ainda não fui lá, mas quem sabe uma hora dessas? Quando ao teu 'problema', não é bruxismo? Ranger os dentes enquanto dorme?

Guiga disse...

Reprimir os sentimentos não é bom mas botar a boca no mundo tb não! Raiva gera raiva...quem gosta de estar perto de irritadinhos? Ninguém, né? O negócio é transformar a raiva em algo produtivo...tipo uma reciclagem de lixo!
E concordo com a Vica, vê se isso aí não é bruxismo, hein? Sua bruxa! Hehehehehe...péssima essa!

Nessita! disse...

Certo que é isso.
A Simone,a Cleide e a Cleo já me falaram isso de reprimir. Qualquer sentimento que a gente não "digere" bem acaba refletindo no corpo, seja uma azia, uma dor de cabeça... Pode ser que seja bruxismo sim, e quem tem isso geralmente "rumina" muito idéias, pensamentos e sentimentos. Rumina, não digere nem cospe.

Complicado, né?
hehehe

bjs