novembro 28, 2006

Que coisa enrolada!

Nunca pensei que para duas pessoas se divorciarem houvesse tanta burocracia, nossa que coisa mais chata e cansativa.
Uma coisa que parece ser tão simples, na verdade é uma chatice sem fim, audiências intermináveis, pilhas de papelada, termos legais sem o menor sentido, advogados metidos e os meses passando sem nenhuma resolução, isso acaba virando um stress só.
Falo isso por experiência, não minha, mas na família, o caso se enrolou por uns três anos naquela coisa de separa ou não separa, depois de muito tormento, houve a separação e ai entrou a tal "justiça" na jogada e o caso vai se enrolar por mais um ano, no mínimo.
Tem que ter muita paciência e um bom espírito para agüentar essa história de advogados, audiências, documentos, idas ao fórum / foro (ou sei lá o que). Eu, sinceramente, não agüento mais isso, não vejo a hora de tudo isso acabar, mas graças a nossa maravilhosa justiça terei que esperar até março / abril do próximo ano para ver essa história acabar.

2 comentários:

Jane disse...

Seria bom se tudo pudesse ser resolvido sem essas burocracias todas, né? Se as pessoas se entendessem, infelizmente não é assim. Espero q teu problema se resolva logo.

Nessita! disse...

Putz, mas que enrolação é isso, hein? Socorro!!! Ninguém merece... Espero que o tempo passe rápido...